Vale a pena dar cesta de Natal

Muitos empresários não sabem, mas facultar uma cesta de natal aos colaboradores é essencial para aumentar a produtividade. Além de oferecer alimentos de plana para o colaborador celebrar com a sua família, ao entregar uma cesta de natal como agradecimento, sua empresa mostra o como é grata por todo a serviço prestado.

Liberdade para o colaborador ter a ceia de Natal que quiser

Se pararmos para pensar, o custo de uma cesta de natal realmente pode ser bem acomodado para a empresa. É claro que existem vários casos e já vimos desenhos gastarem muito nesses lembranças, mas você não precisa de tanto para causar uma boa impressão no colaboradores. Portanto, o ideal é que você invista em uma cesta que permita ao seu colaborador ter uma ceia de condão, com produtos que são indispensáveis para uma ceia de natal, mas que também não sejam de grandes marcas  que, diga-se de passagem, são bem caras.

Reconheça os seus colaboradores

Colaboradores motivados são extremamente importantes para qualquer empresa, pois são eles que vão ajudá-la a melhorar os resultados e crescer.

“Ok. Mas o que a motivação tem a ver com a cesta de natal?”.

É simples. Quando você dá um presente e reconhece todo o esforço que o colaborador teve ao longo do ano, é uma consequência natural que ele se sinta inspirado para gerar melhores resultados para a empresa. Isso significa que, além de contribuir para o natal dos colaboradores, sua empresa tem a oportunidade de fazer com que eles se sintam empolgados para produzir mais e mais.

Aumento da produtividade

Você sabia que colaboradores satisfeitos se tornam muito mais produtivos também? A alegria que contagia e faz com que eles se sintam à vontade e dispostos para honrar a camisa que vestem ou seja, a oportunidade de contemplar na sua empresa.

Portanto, em que ocasião você oferece uma cesta de natal para os colaboradores não está apenas agradando, mas pensando no futuro e na produção de cada uma deles. Para você ter ideia, um colaborador insatisfeito com o lavor acaba gerando vários complicações para a empresa, como alternação, redução nos índices de absenteísmo e diminuição da desempenho. Não é isso que você quer para o sua empresa, né? Então, comece hoje comparável e fique constantemente atento a profissionais desmotivados. Eles são a causa da decadência de muitas empresas brasileiras.

Como montar uma boa cesta de natal

Agora que contamos que vale a pena aplicar em uma cesta de natal para os colaboradores, mostraremos como você deve fazer para montá-la.

Primeiramente, é importante entender que nem conjuntos os colaboradores têm o até mesmo gosto. Isso significa que os produtos comprados pela sua empresa para compor a cesta de natal podem simplesmente ser ignorados. Chega o momento em que se deve escolher os itens para compor a cesta de final de ano dos colaboradores. Você está em dúvidas, confira nossa lista de alimentos:

  • Panetone (escolha o mais recheado);
  • Frutas cristalizadas;
  • Arroz e massas;
  • Farofa;
  • Nozes, castanhas, amêndoas, amendoim;
  • Caixa de bombom;
  • Biscoitos, brownie, cookie;
  • Azeitonas, palmito, pepino, tomate seco, cogumelo;
  • Azeite;
  • Cervejas especiais, vinho, espumante;
  • Suco concentrado ou em pó;
  • Geleias, pães, torradas, patês e frios;
  • Doce de leite, leite condensado, creme de leite;
  • Pêssego em calda;
  • Chocolate, balas;
  • Leite, açúcar;
  • Farinha, mistura para bolo, tapioca, pão de queijo.

FONTE: https://g1.globo.com/

FONTE: https://www.r7.com/

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/