Trabalho de pedreiro, o que faz?

Os pedreiros constroem paredes, chaminés, cercas e outras estruturas, assim como pisos e telhados. Na maioria das vezes, eles usam tijolos para construir seus projetos, mas também podem usar blocos de concreto, cimento, azulejos, ou painéis pré-fabricados, diz a equipe pedreiroecia.com.br. O produto final de um pedreiro deve estar nivelado horizontalmente e ter 90º nos cantos.

Alcançar essa precisão exige que os pedreiros possuam certas qualificações

Fonte de reprodução: Getty imagens

Resistência e força física no trabalho de pedreiro

Trabalhar como pedreiro pode ser cansativo. Os pedreiros levantam, puxam ou empurram materiais pesados ​​o dia todo, exigindo força no tronco e nas extremidades. O processo real de aplicação de argamassa, colocação dos tijolos e espátula do excesso de argamassa é altamente repetitivo e pode causar fadiga muscular nos braços. Os pedreiros muitas vezes devem se agachar ou curvar-se por longos períodos, bem como permanecer em pé, alcançar e subir. Dependendo do projeto, um pedreiro pode ser exposto a alturas extremas ou áreas de trabalho apertadas. Seu trabalho normalmente é realizado fora, portanto, eles devem ser capazes de suportar temperaturas quentes e frias.

Conhecimento em construção para o pedreiro na obra

Os pedreiros devem ter uma sólida compreensão de materiais, ferramentas e processos gerais de construção. A capacidade de ler projetos ou planos é normalmente necessária. Os pedreiros devem saber como usar ferramentas manuais, como níveis e prumos, e pequenas ferramentas elétricas, como serras e brocas. Para alguns trabalhos, os pedreiros devem usar marretas, macacos hidráulicos, elevadores e misturadores. A capacidade de ler com precisão os dispositivos de medição, incluindo as fitas métricas, é fundamental.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Habilidade matemática do pedreiro

Habilidades matemáticas básicas são vitais para os pedreiros. Eles geralmente são necessários para calcular o número de tijolos e argamassa necessários para um trabalho. Durante a fase inicial do trabalho, eles devem estabelecer diretrizes fazendo medições precisas. Os pedreiros devem poder calcular ângulos para determinar como os percursos horizontal e vertical devem ser alinhados. Álgebra básica, geometria e trigonometria são cursos de matemática desejáveis ​​para pedreiros.

Educação e treinamento para pedreiros

Embora alguns pedreiros aprendam o ofício por meio de treinamento no trabalho, a maioria ingressa em aprendizados formais para se tornar pedreiros. Os aprendizes passam o tempo na sala de aula e no trabalho, ganhando um salário pelo seu trabalho. Os requisitos exatos para admissão em um programa de aprendizagem variam, dependendo da associação ou sindicato que oferece o programa.

Como regra, no entanto, os aprendizes precisam ter um diploma do ensino médio ou equivalente e ter pelo menos 18 anos de idade. Eles também devem ser fisicamente capazes de desempenhar as funções de um pedreiro. O curso técnico de edificações é geralmente o caminho seguido para quem quer começar a trabalhar como pedreiro.

Fonte de reprodução: Getty imagens

O que o pedreiro faz?

Sim, você adivinhou: como pedreiro, você trabalha com tijolos de argila, blocos de concreto e outros tipos de materiais de construção em argamassa. Muitos pedreiros também trabalham com azulejos de diversos tipos, e ainda podem conhecer um pouco do trabalho em elétrica e hidráulica.

Entenda qual é a função do pedreiro

O pedreiro é o profissional que realiza trabalhos em alvenaria, concreto e outros materiais geralmente utilizados na construção civil. Ele parte dos projetos elaborados por engenheiros e arquitetos para construir, reformar e reparar edificações. No dia a dia, ele é orientado pelo engenheiro ou pelo mestre de obras. Embora haja pedreiros especializados em determinados setores da obra, de modo geral eles são os responsáveis por concretizar o projeto — tirar do papel e transformá-lo em realidade.

O pedreiro geral é o profissional que faz de tudo um pouco na obra: ele sabe realizar trabalhos de alvenaria (construção de estruturas e paredes), rebocar, assentar azulejos e pisos, fazer instalações hidrossanitárias ou de portas e janelas, entre outras possibilidades.

No entanto, a maior parte das pessoas — e isso também vale para pedreiros — não tem o mesmo nível de habilidade em todas as tarefas. É possível que um profissional seja excelente na parte de alvenaria, mas não faça um acabamento tão caprichado quanto você deseja. Por isso, é sempre importante ficar atento à realização da obra. Além de acompanhar de perto o trabalho do profissional, sempre que possível escolha especialistas para cada tarefa. Assim, a sua construção terá a qualidade desejada em todos os aspectos.

Especializações possíveis para o pedreiro

Normalmente, quando um profissional se especializa em algum tipo de tarefa, ele consegue apresentar um serviço de qualidade melhor e realizá-lo em um tempo menor. Não é diferente com o pedreiro.

Por isso, muitos deles optam por desempenhar suas atividades em uma área específica. É uma forma de acelerarem a produção, garantirem qualidade e aumentarem seus rendimentos.

Por isso é importante identificar os tipos de serviços que precisam ser realizados na sua obra para contratar um profissional especializado. Conheça algumas dessas possibilidades:

  • pedreiro azulejista: especializado no assentamento de revestimentos cerâmicos, azulejos e porcelanatos;
  • pedreiro de acabamento: além de assentar revestimentos, esse profissional instala bancadas como as de granito e mármore, portas, janelas, louças e metais;
  • pedreiro de alvenaria: responsável pela construção de alvenarias de estruturais ou de vedação realizadas com tijolos cerâmicos ou blocos de concreto;
  • pedreiro de manutenção predial: é especializado em serviços de conservação de casas e condomínios e soluciona problemas comuns do dia a dia — entupimentos, vazamentos, reparos na pintura ou revestimentos, troca de louças e torneira etc.;
  • pedreiro especializado em OAC (obra de arte corrente): trabalha com redes de drenagem pluvial, galerias, bueiros, sarjetas, caixas, valetas, drenos profundos ou subsuperficiais, além da implantação de redes de esgoto e água. Geralmente atua em obras de infraestrutura, como a implantação de condomínios, bairros, estradas, rodovias

Entenda qual é a função do servente

servente participa de diversas tarefas em uma edificação: preparação do canteiro de obras, da massa de concreto, limpeza e compactação dos solos. Ele também pode atuar na demolição de edificações e verificar os equipamentos da construção civil. Apesar de não precisar ter tanto conhecimento técnico quanto o pedreiro, esse profissional deve apresentar uma grande disposição física e a capacidade de realizar as tarefas solicitadas.

Sua principal atribuição é auxiliar o pedreiro no que ele solicitar. Esse papel de “servir” contribui muito para a produtividade, pois o profissional não precisa parar para buscar ferramentas, preparar e carregar a massa, os tijolos, a areia, o cimento etc. Embora menos valorizado no mercado, o servente tem a oportunidade de aprender muito com o profissional experiente que ele auxilia. De forma geral, ele tem pouca autonomia e realiza basicamente o que o pedreiro determina.

É possível que o servente ingresse no mercado sem nenhum tipo de preparo técnico. Nesse caso, ele aprenderá sua função à medida que trabalha e observa a atuação do pedreiro. No entanto, já existem formações técnicas para esse serviço. Quem se prepara adequadamente tem chances melhores de realizar um bom trabalho, conseguir indicações e progredir na profissão.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Pedreiro