Bateria de carro: como escolher a melhor

Quem nunca teve problemas com a bateria do carro? Com certeza você já passou por uma posição parecida ou ouviu articular de alguém que logo cedo, para sair para a atividade, girou a chave da ignescência e nada. Então, foi dar para o painel e constatou que nenhuma luz acendia. E a pior ponto é quando isso acontece por má qualidade da bateria escolhida.

Entenda como funciona

A bateria é uma das essenciais peças do carro e possui duas funções principais: umas delas é dar força à arranca e a outra é gerar energia para todos os outros componentes elétricos do seu auto, como faróis, rádio, limpadores de para-brisa e outros. Trata-se de uma peça com vários compostos eletroquímicos, por isso requer manuseio com cuidado deixe o cargo de uma profissional ou, se for indispensável mexer na bateria de carro, nunca utilize anéis ou aliança ou outros materiais condutores de eletricidade.

Saiba a hora certa de trocar

O tempo de vida útil de uma bateria depende do tipo apurado. É preciso estar atento para fazer a mantença ou troca na hora certa. Um problema grave que pode adregar da oxidação que se forma em volta dos bornes, impedindo assim o contato. Essa corrosão de cor esverdeada se forma quando há uma extrapolação do líquido da bateria entre os bornes e a base de plástico. Isso ocorre quando, à interprender trocar a bateria, a chofer não abre totalmente os contatos (que são aquelas braçadeiras que ficam muito apertadas) e na pressa excita encaixar dando algumas pancadas. Isso danifica a base de plástico da caixa da bateria. Essa corrosão pode igualmente danificar toda sua fiação. Infelizmente, quando isso adrega é necessário fazer a permutação imediata da bateria.

Veja quais tipos existem

Na hora de trocar a bateria de carro, um aviso essencial é o tipo e grandeza correto. Isso porque existe um encaixe ideal para as terminais e, quando você não compra nessa medida, não há cabo competente para ligar a bateria ou pode ficar com mau contato. O manual do seu meio traz as especificações. aí, sempre consulte qual das proporções abaixo deve ser eleito:

  • Tamanho 65 com terminais na parte superior veículos grandes.
  • Tamanho 75 com terminais laterais veículos compactos a médios.
  • Tamanho 24/24F com terminais na parte superior veículos para cidades.
  • Tamanho 34/78 com duplos terminais grande porte.
  • Tamanho 35 com terminais na parte superior carros desportivos, comum em marcas japonesas.

Quanto ao tipo, são vários, de acordo com cada fabricante e modelo, mas uma informação é imprescindível a qualquer motorista ou proprietário: bateria selada versus não selada. A primeira não pede maiores cuidados, mas não pode ser recarregada. Já a bateria não selada requer verificação de lugares em tempos e você aguentará realizar recarga. Para este derradeiro tipo, é recomendada manutenção feita por profissional a cada semestre.

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/

FONTE: https://noticias.uol.com.br/

FONTE: https://www.estadao.com.br/mais-lidas